Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]


José Rodrigues dos Santos e os gays

por ., em 09.10.15


Na primeira vez que vi o video, apercebi-me logo que foi um erro sem intenção, não só pela expressão do jornalista (que ele próprio ficou confuso, se quem ia aparecer na peça era uma mulher ou um homem), mas também porque de facto aparece um homem e uma mulher como os deputados mais velhos. Ele não disse que "Alexandre Quintanilha foi eleita" mas sim, que o deputado mais velho foi eleito/eleita (porque ele não sabia quem ia aparecer na peça)

 

Ou seja, foi um erro jornalístico (na minha opinião) pelo qual ele pediu desculpa.

 

Agora se ele tentasse meter em tribunal as associações e outros que o acusam de ser homofóbico ou de ter cometido uma piada durante o seu trabalho, sem qualquer prova apenas porque sim, com o único objetivo de prejudicar a sua imagem, eu não iria achar mal de todo....

 

Acho que o Alexandre Quintanilha deveria tentar perceber se tinha sido um erro ou não, em vez de querer ganhar fama com isso.

 

Sou gay e tenho orgulho em ser.... Mas haja paciência, agora ninguém pode dizer nada que não seja "viva aos gays" os "gays tem de dominar o mundo" " quem não gosta de gays tem de ser julgado em praça pública".... até já julgam quem comete erros sem intenção.

 

Uma coisa é quando existe intenção de prejudicar outra pessoa, mas nem todas as pessoas tem de gostar do estilo da maioria dos gays, ou se identificar com..., e pode expressar isso desde que não seja com intenção de prejudicar.

 

Mesmo eu sendo gay muitas vezes tenho medo de usar a palavra "gay" em vão porque posso ser julgado por gays.

 

Acho que as associações deveriam estar mais preocupadas em defender quem sofre realmente de descriminação por ser homossexual, por alguns direitos que ainda faltam, por homofóbicos que não são responsabilizados pelos seus crimes.... em vez de criar polémicas com o que parece um erro jornalístico, de tentar criar mal entendidos ou julgamentos sem verificar a real intenção das partes, isso em nada beneficia a comunidade LBGT (na minha opinião). 

 

P.S - recorri a alguma ironia e exagero para expressar a minha opinião, peço que não me julguem lol

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 11:15

Facebook com videos 360º

por ., em 24.09.15

A evolução dos vídeos está prestes a chegar e ao que parece chega em forma de 360º. 

A maior rede social do mundo, vai disponibilizar a possibilidade de se adicionar vídeos em 360º na sua rede, por agora a está apenas em fase de teste. 

Para já estará limitado ao desktop, via browser, e à versão Android do Facebook. A versão para iOS  da Apple do Facebook deverá ter suporte para estes vídeos de 360º apenas mais tarde. 

E como funciona? o controlo destes vídeos será feito com o recurso ao rato, na versão que existe para os browsers, nos dispositivos móveis bastará o utilizador tocar no ecrã do seu equipamento para que o vídeo seja também rodado. 

Seria interessante a possibilidade de rodar o vídeo consoante a rotação que fizéssemos do telemóvel ou tablet (do pc fixo não dá muito jeito), talvez essa funcionalidade venha mais tarde. 

 O vídeo 360º em ação:  

O vídeo 360º para experimentarmos (desloque a imagam com o rato): 

Clica e arrasta
Vídeo 360°
Publicado por Star Wars
1.460.041 visualizações

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 10:21

Grécia: Eu sou contra Syriza .

por ., em 01.02.15

-Dias  antes das eleições gregas os bancos perderam 14 mil milhões em depósitos que se traduz no medo dos gregos em perder o dinheiro investido em depósitos. 

-Os juros da divida grega a dez anos está nos 12,5% que tendem a aumentar (juros da divida portuguesa está nos 2,5%)

-A bolsa grega perde 11% desde a vitória de Syriza

-A Grécia vai no segundo resgate, provavelmente a caminho do terceiro, Portugal teve um único resgate. A Grécia já pediu 300 mil milhões de euros, Portugal 78 mil milhões de euros

 

O grande vencedor das eleições foi Syriza, ganhou muito pelas suas promessas eleitorais como:

- Renegociar a dívida de quase R$ 700 bilhões resultante da ajuda recebida pela Grécia de três organismos internacionais - União Europeia, Banco Central Europeu e Fundo Monetário Internacional.

-Aumento do salário mínimo de 580 para 751 euros

- Baixar impostos 

 

Syriza ganha eleições a prometer o que não pode cumprir, as suas promessas eleitorais implicam aumentar ainda mais a divida e pedir aos credores o perdão da divida já criada. Pretende fazer frente às instituições que está completamente dependente e que não pode sobreviver sem o dinheiro destas. Mas mesmo assim ganha as eleições sem pretender enfrentar o problema que originou a crise Grega. 

 

A Grécia está na situação que está (assim como Portugal) devido à corrupção, ao aumento constante da divida para favorecer corruptos, desvios de dinheiro. A Europa (Alemanha) pode perdoar a divida, mas o problema vai continuar se este não for enfrentado. A Grécia no ranking dos países mais corruptos está no nº1, Portugal ocupa o 3º lugar. 

 

Não enfrentar o problema, prometer o que não pode cumprir, enfrentar as instituições que está completamente dependente e pedir perdão para resolver os problemas, não é a solução. 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 11:32



"A melhor maneira de prever o futuro é criá-lo."

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Pesquisar no Blog  


calendário

Maio 2017

D S T Q Q S S
123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
28293031