Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]


Chegar a horas, cumprir com o combinado.

por ., em 05.06.16

 

Parece que está no sangue dos Portugueses, chegar a horas parece mal, quem chega a horas deve saber isso, até porque se uma pessoa chegar a horas e mesmo que tenha de estar á espera 1 hora quem fica mal vista é essa pessoa. 

transferir.jfif

 

Já passei pelo Porto, pelo centro do País, por Lisboa e agora pelo Algarve, e posso dizer que é geral. Irrita-me eu fazer de tudo para conseguir estar à hora marcado e ter de esperar uma hora, ou pior ainda, ninguém avisar que afinal o combinado era para de manhã mas o melhor é ficar para a tarde.... 

 

Posso ser eu o problema, mas isso acontece-me sempre, tanto na vida pessoal quanto na vida profissional. Se na vida pessoal eu posso dizer que tenho amigos desleixados e não se preocupam com os outros, na vida profissional posso dizer que estou rodeado de muito maus profissionais.

 

E claro, que quando acontece várias vezes com a mesma pessoa eu arrebento e isso não é bom. Talvez o melhor é habituar-me que em Portugal é normal chegar atrasado e não se faz o combinado, até porque começo a ficar sem amigos e sem vida profissional de tanto arrebentar com as pessoas. 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 18:20

As novas propostas de Costa

por ., em 07.02.16

Costa: "Usem mais transportes públicos”, "deixem de fumar” e "moderem” recurso ao crédito

Aumentar o tabaco sem tomar medidas de apoio para deixar de fumar não é o mais correto, aumentar os combustiveis sabendo que é nas zonas mais isoladas e no interior do país que existe uma população mais pobre e mais envelhecida e que por e simplesmente não tem transportes públicos é apenas criminoso, (e estamos a falar  de grande parte do território português, que o sr Costa desconhece)

 

Polémicas á parte, austeridade escondida, orçamentos bons e orçamentos maus, tudo serve para aumentar a desigualdade entre a função pública e o privado. 

 

Ou as 35 horas é para todos ou não é para ninguém. Em 2015, ano em que a função pública reclamou por serem os coitadinhos e os mais afetados, em média ganharam 1621 euros enquanto que no privado em média se ganhava 1140,37 (incluindo complementos). É uma diferença de 481 euros, num mês ganhar mais 481 euros não me parece muito igualitário. 

 

Então, o certo não seria tentar que o sector privado e público trabalhassem as mesmas horas e principalmente que no sector privado os ordenados se aproximassem de os do setor público? em vez de fazer exactamente o oposto e aumentar a desigualdade?

 

Então e como se vai combater o desemprego jovem em que perto de metade dos jovens não conseguem emprego?

 

E como se vai resolver a pobreza, uma vez que quem não trabalha e já não pode receber subsidio de emprego apenas ganha um subsidio abaixo dos 200 Euros?

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 10:40

As boas e as más noticias de hoje...

por ., em 05.11.15

Começamos com a boas, a Colômbia dá luz verde a adoção por casais homossexuais, os casais do mesmo sexo  vão poder adotar crianças nas mesmas circunstâncias que os heterossexuais, que até aqui, só era permitida co-adoção. São boas noticias para as crianças que vão poder ter um novo lar e principalmente para a definição de família, onde não deve existir descriminação ou preconceito. 

 

As más noticias, Ricardo Salgado vai passar a receber 90 mil euros mensais de pensão. Eu por vezes quero acreditar que a justiça tem os seus problemas mas que mais tarde ou mais cedo vai funcionar, que vale a pena ser honesto.... Mas depois desses meus delírios de que o mundo é maravilhoso, verifico que o mundo é feito para corruptos, exploradores e ladrões. Poucas pessoas em Portugal conseguem ganhar em 7 anos o que este gajo vai ganhar num mês (apenas de pensão, fora todos os outros rendimentos extras) e este mesmo gajo foi responsável pela falência de um banco e pelo roubo de milhares de pessoas (isto tudo, claro que alegadamente). 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 09:54

Na politica, o que se diz hoje, amanhã já é mentira.

por ., em 13.10.15

Em 2009 Costa tinha o discurso do vídeo abaixo, que até parece o inverso do que está a fazer atualmente. 

 

 

Apesar disso, eu não vejo mal nenhum o facto de António Costa estar a negociar ou debater ideias com os outros partidos, até acho bem. 

 

O que eu não acredito é que António Costa consiga criar governo com a esquerda que o criticava, esquerda que passou a campanha toda a dizer que não existia diferenças entre PS e PSD. 

 

Mas a verdade, as maiores diferenças nas propostas de campanha foram mesmo entre os vários partidos de esquerda.... Nas ideias quem está mais próximo é mesmo o PS e PSD. 

 

É impossível criar governo com tamanhas diferenças na esquerda, com propostas de campanha referentes à saída do euro e o seu inverso... Na verdade na politica tudo é possível, e o que se disse em campanha contra o PS agora já não conta.

 

Eu não entendo o que se define como "direita" ou como "esquerda" o que me interessa são as ideias para o país.

 

E o que é melhor para o país? fu*k isso é o que menos interessa na politica quando se trata de poleiro. 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 16:22

José Rodrigues dos Santos e os gays

por ., em 09.10.15


Na primeira vez que vi o video, apercebi-me logo que foi um erro sem intenção, não só pela expressão do jornalista (que ele próprio ficou confuso, se quem ia aparecer na peça era uma mulher ou um homem), mas também porque de facto aparece um homem e uma mulher como os deputados mais velhos. Ele não disse que "Alexandre Quintanilha foi eleita" mas sim, que o deputado mais velho foi eleito/eleita (porque ele não sabia quem ia aparecer na peça)

 

Ou seja, foi um erro jornalístico (na minha opinião) pelo qual ele pediu desculpa.

 

Agora se ele tentasse meter em tribunal as associações e outros que o acusam de ser homofóbico ou de ter cometido uma piada durante o seu trabalho, sem qualquer prova apenas porque sim, com o único objetivo de prejudicar a sua imagem, eu não iria achar mal de todo....

 

Acho que o Alexandre Quintanilha deveria tentar perceber se tinha sido um erro ou não, em vez de querer ganhar fama com isso.

 

Sou gay e tenho orgulho em ser.... Mas haja paciência, agora ninguém pode dizer nada que não seja "viva aos gays" os "gays tem de dominar o mundo" " quem não gosta de gays tem de ser julgado em praça pública".... até já julgam quem comete erros sem intenção.

 

Uma coisa é quando existe intenção de prejudicar outra pessoa, mas nem todas as pessoas tem de gostar do estilo da maioria dos gays, ou se identificar com..., e pode expressar isso desde que não seja com intenção de prejudicar.

 

Mesmo eu sendo gay muitas vezes tenho medo de usar a palavra "gay" em vão porque posso ser julgado por gays.

 

Acho que as associações deveriam estar mais preocupadas em defender quem sofre realmente de descriminação por ser homossexual, por alguns direitos que ainda faltam, por homofóbicos que não são responsabilizados pelos seus crimes.... em vez de criar polémicas com o que parece um erro jornalístico, de tentar criar mal entendidos ou julgamentos sem verificar a real intenção das partes, isso em nada beneficia a comunidade LBGT (na minha opinião). 

 

P.S - recorri a alguma ironia e exagero para expressar a minha opinião, peço que não me julguem lol

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 11:15

Será que todos ganharam?

por ., em 05.10.15

Sem Título.png

Depois de apurados os votos dos portugueses parece que não existe derrotados nem vencedores. 

O PSD/CDS-PP ficou na frente mas perde a maioria, na teoria são os mesmos que vão governar, mas na prática e ao contrário do passado, apenas vão governar se os outros partidos assim o quiserem. 

O PS  que no inicio tinha tudo para ganhar estas legislativas com maioria absoluta, perde pela péssima campanha que fez,  pelas sombras do passado, pela arrogância do presente e pela ausência de alternativas para o futuro. Na teoria não ganha, e não tem poder de governar, na prática ganhou um poder enorme em que o PSD/CDS tem de pedir autorização ao PS para governar. 

 

Fico triste quando existe 16 partidos que estão presentes no boletim de voto, mas para os Portugueses apenas existem 2 partidos e mais 3 para para alguns demonstrar o descontentamento, os Portugueses mostraram mais uma vez que são fieis aos mesmos partidos. Mas fico ainda mais triste quando existe 16 partidos e nenhum deles apresenta alternativas sérias nem para governar, nem para discutir assuntos que apesar de ser importantes são sempre esquecidos na assembleia. 

 

Mas o que interessa agora é o resultado final, o PS tem de assumir um acordo com o PSD, até porque se não o fizer, o PS arrisca-se a ficar ainda mais mal na fotografia, se o PS obrigar uma segunda ronda acredito que irá perder e neste caso em tudo. 

O país tem aqui uma oportunidade para juntar os recursos dos vários partidos e criar em conjunto um plano de recuperação da economia, para combater o desemprego, melhorar o ensino e a saúde tornados mais eficientes e menos gastadores de recursos. 

 

Vamos ver qual será o primeiro partido a não aguentar a pressão. 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 09:58

Facebook com videos 360º

por ., em 24.09.15

A evolução dos vídeos está prestes a chegar e ao que parece chega em forma de 360º. 

A maior rede social do mundo, vai disponibilizar a possibilidade de se adicionar vídeos em 360º na sua rede, por agora a está apenas em fase de teste. 

Para já estará limitado ao desktop, via browser, e à versão Android do Facebook. A versão para iOS  da Apple do Facebook deverá ter suporte para estes vídeos de 360º apenas mais tarde. 

E como funciona? o controlo destes vídeos será feito com o recurso ao rato, na versão que existe para os browsers, nos dispositivos móveis bastará o utilizador tocar no ecrã do seu equipamento para que o vídeo seja também rodado. 

Seria interessante a possibilidade de rodar o vídeo consoante a rotação que fizéssemos do telemóvel ou tablet (do pc fixo não dá muito jeito), talvez essa funcionalidade venha mais tarde. 

 O vídeo 360º em ação:  

O vídeo 360º para experimentarmos (desloque a imagam com o rato): 

Clica e arrasta
Vídeo 360°
Publicado por Star Wars
1.460.041 visualizações

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 10:21

A ERA Portugal vai contratar 500 a 750 pessoas.

por ., em 10.07.15

A ERA Portugal anda a promover a ideia que vai contratar mais de 500 pessoas, mas será mesmo assim?

 

Contratar parte de principio que vai haver um contrato, um ordenado base, um horário fixo.... O objetivo da ERA Portugal é ser a Imobiliária com maior cobertura a nivel nacional. 

 

Não posso afirmar que todas as lojas Era funcionam da maneira que vou explicar (mas acredito que todas elas funcionam da mesma maneira). 

 

Existe uma Loja ERA que é reponsável por a zona geográfica onde está inserida,  o objetivo passa por todas as casas, prédios daquela zona sejam analisados para possivel venda. E para isso, é necessário uma grande capacidade de mão de obra.

 

Sei que, existe lojas da ERA (mas penso serem todas) que "contratam" pessoas para irem casa a casa, prédio a prédio perguntar se o proprietário está interessado em vender. O problema é a forma como "contratam", não existe contrato, a pessoa tem de trabalhar a recibos verdes, não existe ordenado base, grande parte dos custos são suportados pelos profissionais e tens um horário a cumprir. 

 

Para a ERA não existe despesas, podem até contratar 10 000 pessoas, se todas elas estiverem a recibos verdes e a trabalhar por conta própria, a Era não tem despesas e tudo o que conseguir que os "escravos" façam é lucro para a ERA. 

 

Não sei como este tipo de coisas pode ser legal, se és obrigado a cumprir um horário tens de ter um ordenado base, pelo o horário que estás a cumprir, se é um trabalho por objetivos e se o horário é um objetivo então tens que ser remunerado por ele.

 

Claro, incentiva o empreendedorismo dos jovens a trabalhar por conta própria blá blá blá.... Quando eu criar a minha empresa todos os funcionários vão trabalhar a recibos verdes, tem liberdade para venderem ou fazerem o que quiserem, e sobre o lucro eu fico com 5%. É uma excelente oportunidade para qualquer desempregado, imagine que vende uma casa, ou um carro, ou outra coisa qualquer, eu só fico com 5% do lucro o resto vai para ele. 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 15:01

GNR quer processar mulher devido ao Facebook.

por ., em 23.06.15

Uma condutora publicou a seguinte mensagem 

 

 imagens retiradas do site: http://dioguinho.pt/

A GNR responde com a seguinte mensagem 

 

 

Eu acredito na versão da condutora e não acredito na história da GNR. E acredito que a GNR estivesse a tomar o pequeno almoço, até porque, à alguns anos atrás me deparei com uma situação semelhante, na altura, num final de tarde, vinha eu a descer uma rua (a pé, até porque não tenho carro) quando vejo uma viatura da PSP parada em cima de uma passadeira, passadeira que estava mesmo à frente de uma churrasqueira. Olho lá para dentro e vejo um agente da autoridade que parecia estar a  comprar um belo de um frango assado. Digo que "parecia" que estava a comprar um frango, porque pelos vistos nem tudo o que parece é. Poderia muito bem estar o senhor agente a identificar o frango ;). 

 

Na versão da GNR, acho estranho a viatura não ter qualquer sinalização que demonstrasse que estavam em serviço. Qualquer pessoa que em serviço quisesse fazer uma carga ou descarga não o poderia fazer, não estando essa viatura sinalizada e não estando nenhum agente nas redondezas da viatura esta é considerada uma viatura normal. 

 

Mais, na versão da GNR dizem que estavam a zelar pelo direito de outros cidadãos, mas para isso, faz exactamente o mesmo, se tem a viatura parada numa zona de cargas e descargas muito provavelmente está ou pode vir a prejudicar o serviço de outros cidadãos quem necessitem de fazer cargas ou descargas. 

 

Pelo o comentário, são vários elementos da GNR, não seria necessário ir vários elementos da GNR  dentro da pastelaria para identificar o condutor, sendo que um deles podia ficar na viatura, para e no caso de ser necessário retirar a viatura o pudesse fazer e assim zelava também para quem necessite de fazer cargas e descargas. 

 

Já agora, o condutor de pesados que estava no lugar destinado a pessoas com deficiências pode muito bem alegar que estava uma viatura parada no lugar destinado a cargas e descargas, até porque todos lá param os veículos, até a GNR. 

 

Não sei o que realmente aconteceu, mas sou livre de acreditar em quem eu quiser, e neste caso acredito na versão da Condutora por todos os motivos que mencionei. 

Brincado um pouco com a situação, a GNR estaciona no lugar destinado para cargas e descargas para zelar pelas pessoas com deficiência, devido a isso, o pesado é obrigado a parar no lugar das pessoas com deficiência porque tem a viatura da GNR parada no lugar destinado a cargas e descargas, uma pessoa com deficiência é obrigada a parar no passeio porque tem um pesado no seu lugar, quem vem a pé, é obrigado a andar pela estrada porque tem um carro no passeio....

 

Tenho muita admiração pela GNR  ou PSP, existem milhares de pessoas a trabalhar nestas entidades, e como em qualquer profissão, existe maus e bons profissionais. Acredito que a grande maioria destes profissionais desempenham o seu papel de forma exemplar, o que não quer dizer que alguns deles (como em qualquer profissão) se aproveitem do cargo que tem para beneficio próprio. 

  

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 12:04

Portugueses já encomendaram o grande Mustang e o novo Camaro é apresentado.

por ., em 18.05.15

Finalmente vou poder ver com mais frequência o novo Mustang pelas estradas portuguesas, desde que a ford comunicou que pela primeira vez o Mustang vai ser comercializado na Europa, já se verificou 15 encomendas em Portugal. 

 

 

 

No total, mais de 2.200 clientes na Europa já encomendaram o novo Mustang, tanto na versão ‘fastback' como ‘convertible', unidades que chegam aos concessionários na Europa continental a partir de Julho e ao Reino Unido a partir de Outubro.

 

De forma a testar o sucesso de trazer para a Europa um veículo com mais de 50 anos, a Ford lançou no ano passado uma acção na Internet. A fabricante de automóveis norte-americana disponibilizou durante a final 2014 da UEFA Champions League uma acção que permitia reservar as primeiras 500 unidades a serem produzidas, este ano, para o continente europeu. O sucesso foi tanto que "as 500 unidades ficaram todas reservadas ao fim de apenas 30 segundos, com um número de mais de 9.600 registos online", refere fonte da Ford. Nesta altura, duas unidades ficaram para Portugal, que entretanto já foram confirmadas pelos clientes.

Chevrolet Camaro 2016

Mas o grande concorrente do Mustang acaba de apresentar o seu novo carro, estamos a falar do inconfundível Camaro ( que apesar de estar muito atrás do Mustang, naminha opinião) é um icone dos “muscle cars”.

A gama de motores incluirá um quatro cilindros de apenas 2 litros com 275cv e 400 Nm de binário, destinado a rivalizar com o Mustang 2.3 Ecoboost de 314cv. Acelera dos 0 aos 100 km/h em menos de 6 segundos.

Não faltam, contudo, as tradicionais e emblemáticas motorizações V6 e V8. O primeiro, de 3,6 litros, desenvolve 330cv. Já a versão SS, com o V8 de 6,2 litros, oferece 455cv e 617 Nm.

 

Com a saida da Chevrolet da Europa, o novo Camaro vai estar disponivel apenas por encomenda que tem data prevista de chegada no final do ano.

 

fonte: http://economico.sapo.pt/ e http://www.autoportal.iol.pt/

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 13:54



"A melhor maneira de prever o futuro é criá-lo."

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Pesquisar no Blog  


calendário

Maio 2017

D S T Q Q S S
123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
28293031